• TVT
  • RBA
  • Rádio CUT
MENU

Sintero promove o II Encontro Estadual de Mulheres Negras de Rondônia

Publicado: 22 Novembro, 2018 - 13h51 | Última modificação: 22 Novembro, 2018 - 14h23

Escrito por: Assessoria SINTERO

notice
Mulher Negra

Nesta segunda-feira (19/11) o Sintero promoveu o II Encontro Estadual de Mulheres Negras de Rondônia, com o objetivo de fortalecer a rede de mulheres negras no Estado, além de levar os debates e propostas ao Encontro Nacional de Mulheres Negras, que acontecerá no mês de dezembro, em Goiânia/GO. A programação contou com palestras, debates, grupos para troca de ideias, além de apresentações culturais.

Inicialmente foi apresentada a palestra “Análise da Conjuntura: movimentos sociais e movimentos de mulheres”, ministrado pela representante da União Brasileira de Mulheres, Sandréia Costa.

A segunda palestra tratou da “Trajetória das mulheres negras no Brasil” e foi feita pela Ativista do Movimento Negro, Maria Santiago.

E a terceira palestra teve como tema “Mulheres negras em Rondônia”, apresentada pela Mestra em História e Estudos Culturais, Cledenice Blackman.

“É importante fazer esse debate, por que quando a gente passa a ter consciência de como é tratada a população negra no nosso país, a gente se fortalece e se prepara para enfrentar essa luta diária”, comentou Maria Santiago.

Após as palestras foram feitos dois grupos, para tratar dos temas: empreendedorismo das mulheres negras e mulheres negras e o bem viver. Cada grupo deveria levantar propostas para cada tema.

Para finalizar o evento, foi feito uma plenária para eleger as representantes de Rondônia no Encontro Nacional de Mulheres Negras.

 A Secretária de Gênero e Etnia do Sintero, Rosenilda Ferreira de Souza Silva, comentou que a principal finalidade do evento foi motivar as mulheres a saírem das suas bases. “Nosso maior objetivo aqui, é debater as políticas públicas voltadas para as mulheres negras, fortalecendo esse grupo aqui no Estado. Também queremos que todas as propostas e debates sejam levados ao Encontro Nacional de Mulheres Negras”, finalizou.

 

 

 

 

Assessoria SINTERO

carregando
carregando